sábado, 19 de dezembro de 2009

AI, QUE TRISTEZA!




















Ai, que tristeza!

Que solidão, que vida besta, que vazio!


Ninguém escuta os meus suspiros

(e eles são tantos!)


Ninguém repara na tristeza,
ninguém se liga...


Será o meu rosto?

Esse sorriso tatuado na minha cara?


Ou são meus versos
e as estorinhas onde eu finjo que existo?


foto: Mc Blue

13 comentários:

Dri disse...

Feliz 2010, Pierrot! Versos são fingimentos tão verdadeiros, uma tristeza seria não existir através deles também!
Bjos

Dri disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
manuel marques disse...

"Sobre as asas do tempo, a tristeza vai-se embora "

Beijo e feliz Natal.

angela disse...

Tão duro quando a gente se sente nada, sem importancia para ninguem, mas ainda se leva a serio.
lindos versos, sempre tão precisos para expressar uma emoção.
beijos

Concha-c disse...

É uma tristeza auto-mutilada.
É um fragmento que todos temos.
Bjs

Renata de Aragão Lopes disse...

Insisto:
dezembro
tem muitas nuvens...

"Ai, que tristeza!"

Que passe logo!
Beijo.

Concha disse...

Nesta época de encantamento, de amor,carinho e gratidão, venho desejar um Feliz Natal!

Martin Bolivar disse...

Boas festas.

Marcantonio disse...

Um comentário, por afinidade, num pequeno poema (pequeno nos dois sentidos).

É preciso estar triste
para almejar a alegria.
Porém, o contrário
não é necessário,
pois a alegria
de si mesma se esvazia.

Um abraço,

Marcantonio
http://cadernosdearte.wordpress.com

Prussiano disse...

Oláá´...

Passando para desejar um feliz Natal (atrasado... rsrsr...) e um lindo e próspero ano novo !!!

=]

Whispers disse...

Desejo que em 2010 sorrias mais
Ames mais,
Beijes mais, faças amor mais
Vivas com mais intensidade,
Perdoes mais, abraces mais
E digas te amo mais.

Que este seja um ano mágico, um ano de realizares todos teus sonhos
Feliz Ano-Novo
Mil beijos
Rachel

ROSÁLIA LERNER disse...

Dalva
A você todo meu carinho e votos de um ótimo ano 2010.
e obrigada pela "constância"!
Um abraço
Rosália

DE-PROPOSITO disse...

e as estorinhas onde eu finjo que existo?
---------
Claro que tudo existe. Só que há coisas, que existem, sem existir.
--------------
Que 2010 SEJA O MELHOR ANO da tua VIDA.
mANUEL